Equipe 8 LIXO ELETRÔNICO


CIÊNCIAS DA NATUREZA, MATEMÁTICAS E SUAS TECNOLOGIAS.
Equipe 8   LIXO ELETRÔNICO                 1º ANO A ( Biologia)
ORIENTADORA
Fátima Bezerra

ALUNOS (AS)
Antonia Marcela Guimarães Lopes
Helena Lara Coelho Brito
Shamilly Sousa Farias
Thainar Magalhães Fernandes
Thaís Vitória da Silva Costa
Antonia Vanessa Magalhães
INTRODUÇÃO
Atualmente estamos vivenciando a era dos eletrônicos, até mesmo as crianças possuem tais objetos. Pesquisas mostram que no Brasil é gerado cerca de 380 mil toneladas por ano de lixo eletrônico, calculando-se que sejam em torno de 3,5kg por pessoa. Uma das maiores responsáveis por isso é a mídia que estimula o consumismo desses produtos cada vez mais, inovando-os. Com tecnologias mais avançadas fazendo os consumistas trocarem seus eletrônicos, mesmo ainda sendo úteis, e nunca os fazendo os pensar no modo de reutilização. A mídia nunca leva em conta os impactos sociais e ambientais, apenas interesse econômico.
            As pessoas, que em ultima instância tem o poder de compra, tem a grande possibilidade de mudança desse senário. Ignorando a gravidade da situação e continuando acelerando o ritmo do consumo, sem pensar no que acontecerá com seus equipamentos daqui à poucos anos.

METODOLOGIA
O mal-descarte do lixo eletrônico é um grande problema, não só no Brasil, mas em todo mundo, nos sensibilizamos e tomamos a iniciativa de explorar este assunto. De modo que o município de Tejuçuoca, também fosse atingido através da nossa pesquisa. Para a execução do projeto, inicialmente foi feito uma pesquisa qualitativa na secretaria de educação a respeito do número de jovens do município que supostamente possuem algum eletrônico. Com o objeto de mostrar a todos que o lixo eletrônico é um grande problema e juntos temos grandes chances de resolvê-lo, pois o mesmo causa danos ao ser humano e ao ambiente e devemos procurar as melhores formas para o descarte dele, como reutilizá-lo.
O nosso projeto disponibilizará de uma sugestão para descarte deste lixo como o aterro e consequentemente de uma reutilização do lixo como um aquário de um monitor de computador que ambos terão uma concordância entre si, ou seja a bateria do computador foi para o aterro. E com estas demonstrações esperamos que você junto com agente possa se conscientizar de que um só não conseguirá, mas todos tornarão, um município ou até mesmo o país bem melhor.
RESULTADOS
Neste levantamento, a equipe procurou a reutilização de um eletrônico muito usado: o computador, e sugerimos o reaproveitamento de um monitor como um aquário, mas aí vem a pergunta: Pra onde vai a bateria? Com isto, a melhor opção é um aterro que não soluciona diretamente, mas ameniza um pouco a situação. Assim iremos apresentá-lo em forma de uma maquete.
CONSIDERAÇÕES FINAIS
Os eletrônicos têm uma grande utilidade no nosso dia-a-dia, e cada vez mais eles têm inovado, mas não se têm pensado em um melhor descarte para eles. Em Tejuçuoca a situação não é diferente, não se têm lugares adequados para este tipo de lixo, e com isto, é descartado como um objeto comum que não causa prejuízos, sendo ao contrário. É importante que estes produtos tenham um destino depois de terem sido usados, e entretanto a nossa equipe se preocupou em apresentar tal problema e algumas soluções. Conscientizando a cada um, até as autoridades de que a Tejuçuoca precisa de um lugar adequado para tal descarte.


Um comentário:

Maria Emília Souza disse...

Agente do FBI, na metodologia?

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial